• (41) 3501-4647 / 3501-3773
    contato@energiasmart.com.br

Reajuste tarifário médio de 5,29% para a DME Distribuição é aprovado

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), aprovou em reunião pública realizada nesta terça-feira (19/11), Reajuste Tarifário Anual da DME Distribuição S.A (DMED), com efeito médio a ser percebido pelos consumidores de 5,29%. A distribuidora atende cerca de 77,7 mil unidades consumidoras, localizadas no município de Poços de Caldas, no estado de Minas Gerais.

Ao calcular o reajuste, conforme estabelecido no contrato de concessão, a Agência considera a variação de custos relativos à prestação do serviço. Contribuíram para o efeito positivo, principalmente, a inclusão dos componentes financeiros apurados no atual reajuste, levando a um aumento de 13,01%, bem como custos com pagamento de encargos setoriais, que representaram -5,16%.

Confira abaixo os novos índices, que entram em vigor a partir de 22/11/19:

O efeito médio da alta tensão refere-se às classes A1 (>= 230 kV), A2 (de 88 a 138 kV), A3 (69 kV) e A4 (de 2,3 a 25 kV). Para a baixa tensão, a média engloba as classes B1 (Residencial e subclasse residencial baixa renda); B2 (Rural: subclasses, como agropecuária, cooperativa de eletrificação rural, indústria rural, serviço público de irrigação rural); B3 (Industrial, comercial, serviços e outras atividades, poder público, serviço público e consumo próprio); e B4 (Iluminação pública).

Fonte: Aneel.