• (41) 3012-5900
    contato@energiasmart.com.br

ANEEL aprova reajuste nas tarifas da Copel

A ANEEL aprovou nesta terça-feira (21/06) o Reajuste Tarifário Anual de 2022 da Companhia Paranaense de Energia (Copel). A distribuidora atende a cerca de 5 milhões de unidades consumidoras paranaenses.

No cálculo das novas tarifas, a ANEEL considerou a proposta de regulamentação do componente tarifário ‘CDE Modicidade Eletrobras’ que trata da inclusão dos aportes na Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) decorrentes do processo de capitalização da Eletrobras. Outra medida considerada para mitigação das tarifas foi a devolução dos créditos de Pis/COFINS que, no reajuste da Copel, promoveu atenuação de – 13,3%.

Confira as tarifas que entrarão em vigor nesta sexta-feira (24/6):

Empresa

Consumidores residenciais – B1

Copel

1,58%

Classe de Consumo – Consumidores cativos

Baixa tensão em média

Alta tensão em média

Efeito Médio para o consumidor

2,68%

9,32%

4,90%

Dos componentes que mais impactaram neste processo, destacam-se os encargos setoriais e atividades relacionadas à distribuição de energia.

O efeito médio da alta tensão refere-se às classes A1 (>= 230 kV), A2 (de 88 a 138 kV), A3 (69 kV) e A4 (de 2,3 a 25 kV). Para a baixa tensão, a média engloba as classes B1 (Residencial e subclasse residencial baixa renda); B2 (Rural: subclasses, como agropecuária, cooperativa de eletrificação rural, indústria rural, serviço público de irrigação rural); B3 (Industrial, comercial, serviços e outras atividades, poder público, serviço público e consumo próprio); e B4 (Iluminação pública).

Fonte: gov.br.