• (41) 3012-5900
    contato@energiasmart.com.br

Governo finaliza MP que garante mais R$ 13 bi para cobrir custos da crise hídrica

O governo finalizou o texto da nova medida provisória (MP) que deverá garantir mais um empréstimo para o setor elétrico honrar o pagamento de despesas remanescentes da atual crise hídrica. Ao menos R$ 13 bilhões serão demandados junto aos bancos para cobrir custos com geração térmica, contratos emergenciais e programas de redução da demanda. A publicação da MP é aguardada pelo setor desde a semana passada. Agora, o governo renovou a promessa de enviar o…

Reservatórios do Centro-Sul enchem mais do que o esperado em outubro

Os reservatórios das hidrelétricas das regiões Sudeste e Centro-Oeste encheram mais do que o esperado em outubro, como reflexo das chuvas que caíram pelo país nas últimas semanas. A previsão é que o volume de chuvas continue acima da média em novembro. Segundo o ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), o nível dos reservatórios dessas duas regiões, consideradas a caixa d’água do setor elétrico brasileiro, fechou outubro em 18,2%, 1,5 ponto percentual acima do registrado no fim de setembro….

Governo descarta possibilidade de antecipar fim da taxa extra na conta de luz

O ministro de Minas e Energia (MME), Bento Albuquerque, afirmou, ontem, que não será possível antecipar para novembro o fim da bandeira tarifária de escassez hídrica, como o presidente Jair Bolsonaro havia declarado na semana passada. A afirmação foi feita após participação em café da manhã promovido pela Frente Parlamentar Mista Pelo Brasil Competitivo. A sobretaxa impõe um custo extra nas contas de luz equivalente a R$ 14,20 para cada 100 kWh consumidos. Segundo o…

Bolsonaro diz que vai mandar ministro alterar bandeira tarifária para ‘normal’ em novembro

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (14) que determinará ao ministro Bento Albuquerque, de Minas e Energia, que mude a bandeira tarifária da energia elétrica de “vermelha” para “normal” em novembro. Mesmo com a criação da Câmara de Regras Excepcionais para Gestão Hidroenergética (Creg), que pode tomar medidas extraordinárias em relação à gestão da crise energética, as mudanças nas bandeiras tarifárias precisam ser baseadas em estudos da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), responsável por definir a cada…

Distribuidoras e governo estudam como reduzir déficit da bandeira escassez hídrica

As distribuidoras e o governo estão debatendo como será a mitigação dos efeitos da crise hídrica sobre as finanças dessas empresas. Na última quarta-feira (13/10), a secretária-executiva do MME, Marisete Dadald Pereira, reconheceu que a arrecadação da Bandeira Escassez Hídrica não é suficiente para cobrir os custos com a compra da geração emergencial. Marisete descartou, por ora, elevação do valor da bandeira. Em setembro, o governo criou o novo patamar de cobrança, como uma das medidas de combate à crise…

“Não há menor possibilidade de racionamento em 2021”, diz ONS

O diretor do ONS (Operador Nacional do Sistema) Luiz Carlos Ciocchi descartou hoje qualquer possibilidade de racionamento no Brasil para o ano de 2021, mesmo com a crise hídrica e o período de seca que atinge principalmente as regiões Sudeste e Centro-Oeste. “Sim [o sistema tem como atender a demanda sem racionamento de energia]. O sistema tem condições. Não há menor possibilidade de racionamento para o ano de 2021”, disse o diretor, convicto, durante entrevista…

Governo cria nova bandeira para escassez hídrica, que vale a partir de hoje. Entenda

BRASÍLIA — O governo anunciou que o maior patamar da bandeira tarifária será reajustado em 50% a partir desta quarta-feira. A taxa extra nas contas de luz subirá de R$ 9,49 para R$ 14,20 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. Esse será o valor de uma nova bandeira, batizada de Escassez Hídrica, mais alta que a vemelha e que vai valer até abril de 2022. O reajuste provocará aumento de 6,78% na tarifa média dos…

País precisa subir oferta de energia em 8% para evitar apagão, diz operador do sistema

Nota técnica emitida pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) alerta para a necessidade de aumento na oferta de energia para assegurar o abastecimento no país a partir de setembro. A geração adicional é classificada como “imprescindível” pelo ONS e precisaria ser de no mínimo 5,5 gigawatts médios (GWmed) até novembro para afastar o risco de apagão em meio à crise hídrica. Na nota divulgada nesta quarta-feira (25), o ONS atualiza informações sobre as condições…

Bandeira vermelha da conta de luz terá alta de até 58%

BRASÍLIA — A bandeira tarifária, uma sobretaxa que é acionada nas contas de luz quando o custo da geração de energia aumenta, deve subir de R$ 9,49 para um valor entre R$ 14 e R$ 15 a partir de setembro. A decisão da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) será informada no máximo até a próxima terça-feira. Será um aumento, portanto, entre 50% e 58%. O valor será cobrado da bandeira vermelha 2, o patamar…

Aneel estima que conta de luz deve subir 16,7% em 2022, ano de eleições

BRASÍLIA – Além do risco de racionamento de energia e apagões, o governo federal terá que lidar com a pressão nas contas de luz durante a corrida eleitoral, quando o presidente Jair Bolsonaro tenta a reeleição. Cálculos preliminares da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) apontam que as tarifas de energia podem subir, em média, 16,68% no ano que vem, principalmente por causa da crise hídrica que o País enfrenta – a pior nos últimos 91 anos. Para evitar que…