• (41) 3501-4647 / 3501-3773
    contato@energiasmart.com.br

Sete estados apresentam piora na seca, aponta ANA

Sete estados apresentaram piora na condição de seca relativa e outros seis apresentaram melhora no quadro, de acordo com dados atualizados de outubro do Monitor de Secas da Agência Nacional de Águas (ANA), na comparação com setembro.

Os estados com agravamento da seca são os de Alagoas, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Sergipe e Rio Grande do Sul.

Já os que tiveram redução da seca foram Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Goiás e Distrito Federal.

Segundo a ANA, o destaque do mês foi o Distrito Federal, com o desaparecimento da seca em 100% de seu território. Rio de Janeiro teve uma diminuição de 37% do território coberto por seca, enquanto o Espírito Santo apresentou diminuição de 27% e Minas Gerais, de 16%.

Por outro lado, o maior aumento na área com seca foi registrado no Rio Grande no Norte, de 50%, passando a ter 83% do seu território sob influência do fenômeno. Em geral, no Nordeste o cenário foi de alta na área de seca. A Paraíba teve aumento de 38%; Alagoas, de 23%; Ceará, de 17%; e Sergipe, de 14%.

Ainda de acordo com a seca, a região Sul apresentou os maiores aumentos na severidade, com 34% em Santa Catarina e 12% no Paraná. No Rio Grande do Sul, que em outubro passou a ter 100% do seu território coberto pela seca, a condição se intensificou, com 44% da área passando a ser classificada como moderada.

Fonte: Energia Hoje